Acesso Cliente Acesso Colaborador

SOA - Service Oriented Architecture

Não sendo um conceito novo, as arquitecturas orientadas a serviços são hoje aceites como um standard de facto nos processos de integração de sistemas nas organizações. Para este panorama, muito têm contribuído as ferramentas desenvolvidas por grandes fabricantes de software que aceleram os processos de integração e implementam funcionalidades de gestão, administração, transaccionalidade, transformação de dados, entre outras.

Na sua essência, uma arquitectura orientada a serviços consiste numa abordagem focada na disponibilidade de serviços capazes de comunicar entre si. Estes serviços podem ser novos ou existir já na organização, integrados em sistemas que estão em exploração. 

Um serviço consiste num conjunto de funcionalidades agregadas e capazes de implementar uma acção de forma independente face ao contexto e face a outros serviços, como por exemplo, o registo num site ou a encomenda de um livro on-line

Oferta de valor do SOA

A adopção deste tipo de abordagem é suportada por sólidos argumentos económicos e tecnológicos:

  • Permite renovar o ROI das aplicações utilizadas na organização ao estender as funcionalidades sem implicar alteração do código original;
     
  • Permite responder a novos requisitos do negócio de forma ágil, robusta e não intrusiva nos sistemas em exploração;
     
  • Implementa e acelera a adopção de novas práticas de negócio;
     
  • Suporta a mudança do departamento de TI's, dentro da organização, do "centro de custos" para o parceiro estratégico de negócio, alinhado com a adopção de boas práticas ITIL;
     
  • Incrementa a governabilidade das transacções dentro da organização e com o exterior;
     
  • Disponibiliza uma fonte de auditoria a procedimentos e processos da organização.
 
SOA – o próximo patamar na integração de Sistemas Empresarias

 

Apresentação da Solução

>>Download